O Cantinho da Bó Fá é um espaço dedicado aos meus tesouros. São a minha vida. Vivo "deles" e para eles. Aqui pretendo transmitir as alegrias de ser avó. Y otras cositas más...

.historias recentes

. 6 meses de uma saudade im...

. Parabéns meu Pai!!!!

. Carta para o meu Pai

. Não está fácil... não mes...

. Até quando esta dor?

. Não são boas as noticias

. ...

. Para variar...

. Do fim de semana...

. Da escola...

.O que para aqui vai...

. Janeiro 2014

. Setembro 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

Quarta-feira, 9 de Março de 2011

Mensagem

 

"Be thankful for the countless things in your life you usually take for granted. Your sight, hearing, the joy of smelling your morning coffee or perhaps the ability to love and be loved. All the special things in life come from God. Today is a wonderful day to live in thankfulness for the blessings you receive."

 

Quando formos capazes de dar valor ao que é realmente importante. Capazes de eliminar o acessório em função do essencial. Capazes de "ser" em vez de "ter". Aí sim, seremos felizes...


publicado por Fá às 21:56

link do post | Vá...comentem | favorito

23 comentários:
De a 17 de Março de 2011 às 16:53
Minha querida amiga,
O meu pai, infelizmente foi novamente internado. Mas o mais grave é não tarde estão a manda-lo para casa completamente dependente.
É quase uma tragédia, esta luta que estamos a travar, para que ele possa usufruir dos seus direitos de utente. País da caca este em que vivemos (desculpe o desabafo).
Beijinhos


De Maria João Brito de Sousa a 17 de Março de 2011 às 17:32
Tem razão, Fá! Tem toda a razão! Se o seu pai está completamente dependente, como conseguirá dar-lhe assistência e tratar de duas crianças pequeninas? E tratar de um doente dependente é um trabalho exaustivo!
Um enorme abraço e que consiga arranjar uma forma de conciliar essas duas tarefas de Titãs que são cuidar da vida nos seus dois extremos do Tempo.


De luadoceu a 18 de Março de 2011 às 15:20
amiga
eu sabia de teu pai?
se sabia desculpa nao ter peguntado
se nao sabia eu aqui estou p te dar um abracinho apertadinho
meu avo materno ainda n esta dependente, nem esta c o teu,pois n sei o q se passa,mas e um homem mto vivo e custa lhe estar como esta e sente se dependente e sem forças sequer p andar...
amiga....as melhoras....
nosso pais em termos de saude e justiça deixa mto a desejar,mto
força fa..


Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Janeiro 2014

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

12
13
14
16
17
18

19
20
21
22
23
24
25

26
27
28
29
30
31


.tags

. todas as tags

blogs SAPO

.subscrever feeds