O Cantinho da Bó Fá é um espaço dedicado aos meus tesouros. São a minha vida. Vivo "deles" e para eles. Aqui pretendo transmitir as alegrias de ser avó. Y otras cositas más...

.historias recentes

. Do fim de semana...

. E do fim de semana...

. E o fim de semana

. Agora com as ideias em or...

. Em poucas palavras...

. Tal como se esperava...

. Fim de semana...

. Fim de semana...

.O que para aqui vai...

. Janeiro 2014

. Setembro 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

Lilypie Kids Birthday tickers
Lilypie Kids Birthday tickers

Segunda-feira, 19 de Setembro de 2011

Do fim de semana...

Pois foi muito bom. Eles estavam ansiosos por me contarem as novidades e a viagem foi passada com muita conversa. Nem demos pelo tempo passar de tão animada que foi...

O sábado foi, como é hábito para preguiçar a manhã na cama. Tomámos o pequeno-almoço e fomos ás compras. Entretando decidimos ir passear a seguir ao almoço e foi o que fizemos.

Nos arredores há uma ermida, erigida ao S. João e que se chama S. João do Deserto, porque fica "perdida" no meio na serra. Todos os anos se festeja á grande no dia 24 de Junho, mas eu só lá fui por 2 ou 3 vezes, e já lá vão muitos anos. Era um bom local para se visitar, até porque a vista de lá é de cortar a respiração.

Munidos de garrafas de água lá fomos. Eles adoraram e eu também. Deixo-vos com algumas imagens e digam lá se não é bonito:

 

A Ermida

 

 

Lá no alto o miradouro

 

 

 

Do miradouro

 

 

 

A paisagem a perder de vista

 

 

O tosco parque de merendas: 

 

 

O, não menos tosco, palco

 

 

 

A caminhada

 

 

  

Depois fomos visitar o meu pai que estava naqueles dias. Dormia sem que nada nem ninguém o conseguisse acordar. Parecia que tinha sido picado pela mosca tsé-tsé. Ainda por lá estivemos mais de 1 h mas, como ele se mantinha num sono profundo (embora sentado, note-se), resolvemos vir embora.

 

 

Fomos apanhar nozes. Digamos que não foi muito pacifico porque os acessos estão muito dificeis e as nossas pernas ficaram com algumas marcas. Aqui estão ainda por secar. Ficarão muito mais bonitas daqui por alguns dias.

 

 

 

 

 

Domingo amanheceu muito nebuloso e friorento mas á medida que o dia ia crescendo a temperatura também aumentava e ficou um dia espectacular. Fomos almoçar com a Mónica que fazia anos.

 

No regresso passámos novamente no meu pai, que desta vez estava acordado. Fizemos umas caminhadas pelos corredores, com alguns intervalos para ele descansar. Entretanto chegou a hora de jantar e viemos embora.

 


publicado por Fá às 20:36

link do post | Vá...comentem | ver comentários (20) | favorito
|

Segunda-feira, 28 de Junho de 2010

E do fim de semana...

 

... tenho a dizer que foi muito bom.

 

Sábado fomos à Baixa. Lanche no "Marquês". Umas tostas... huuummm... deliciosas.

Caminhámos muito e Ruben sem lamúrias nem queixumes. O que é bom e raro.

Depois do jantar ainda houve tempo para uma ida ao parque.

Brincámos, jogámos à bola, umas corridas à volta do parque, saímos de lá prontinhos para o banho.

Domingo. Acordar tarde, almoçar cedo e praia.

Saímos daqui com um sol radioso. Planos de muitos banhos e brincadeiras na água.

Chegámos a Sintra e... nevoeiro. Sintra é de facto única.

Eles já começavam a barafustar, desiludidos, mas qual quê? Não viemos para ir à praia? Pois então é à praia que vamos.

E fomos. E foi como se esperava. O mar estava bravo, bandeira vermelha, mas não havia vento, nem estava frio. 

Do mal o menos. Fartámo-nos de jogar à bola, brincar na areia. Construímos imensos castelos. Tive direito a massagens especiais com areia.

Fantásticas!!

Foi uma tarde em cheio. Saímos de lá já passava das 18:00.

No caminho ainda parámos para comprar pão com chouriço...quentinho.

 

 

 


publicado por Fá às 11:15

link do post | Vá...comentem | ver comentários (4) | favorito
|

Segunda-feira, 23 de Novembro de 2009

E o fim de semana

 

...passou-se muito bem, obrigada, apesar da chuvinha chatinha.

Só com o Ruben porque o Rafa esteve muito constipado, em principio até desconfiaram dessa malfada gripe A, mas verificou-se que era apenas uma constipação, graças a Deus. Continua com muita tosse, muita ranhoca e em casa. Isso é o que mais entristece o mano porque ele já não pode ficar em casa quando quer, porque como ele mesmo diz "a escola agora é à séria".

Assim, só com o Ruben é tudo muuuuuito mais calmo. O Rafa, já o disse, ainda não descobrimos onde é o botão off. Mesmo assim, constipadito não pára. Éh catraio danado...

Sábado lá fomos à tortura, o mesmo é dizer ao dentista. Ele portou-se bem, chorou um pouco, mas é preferível doer um pouco agora do que as possiveis e horriveis dores de dentes futuras. Ele entende, tanto que deixa o dentista fazer tudo, mas lá que dói, isso dói. Dizia-me ele quando saímos de lá que "hoje foi a que me custou mais". É um valente, o meu menino.

Como prémio por se ter portado tão bem disse que lhe dava uma prenda. Ele escolheu um jogo para a PS. Tel me something new.

À noite entretive-me a fazer uma capa para o meu edredon. Já lá tinha o tecido há algum tempo e só estava á espera da vontade.  Foi a primeira que fiz e o resultado foi excelente.

O domingo passou-se quase todo em casa, exceptuando uma ida ao Dolce Vita Tejo. Quando chegámos havia pista de gelo e um grupo de tambores do "Tocá Rufar". Espectacular. 

Tocá Rufar na Avenida

 

Estivemos por ali um pouco e como ele estava ansioso por testar o novo jogo fomos lanchar e a seguir fui levá-lo.

Foi o final de um fim de semana calmo.

E agora desejo:

 

 

sinto-me: lots to do

publicado por Fá às 15:14

link do post | Vá...comentem | ver comentários (6) | favorito
|

Terça-feira, 21 de Julho de 2009

Agora com as ideias em ordem...

 

...vou aqui contar como foi o fim de semana.

 

Aproveitei a manhã de sábado para dar um jeito à casa, de contrário não teria tempo e ao fim do fim de semana iria parecer que passou por lá um tsunami. Mesmo assim...

 

Depois de almoço fomos os 3 (eu, o Ruben e o Rui Pedro) buscar o Rafa, que desde que acordou andava numa roda viva, ansioso que só visto, sempre a perguntar quando é que eu chegava.

 

Na volta já se aproximava a hora do lanche. Onde vamos, onde vamos? Eles queriam ir ao Mac lanchar. Fomos ao Dolce Vita e eles gastaram umas energias a saltar nos trampolins que lá se encontravam.

Depois do lanche, e porque ainda era cedo, fomos ao "Parque Aventura". Lá tem montes de brincadeiras para eles.

Ficámos lá até serem horas de jantar. Eles andaram em tudo. Até o Rafa, que quando não conseguia lá vinham o primo e o mano ajudar. Divertiram-se a valer. Sairam de lá esgotados e completamente transpirados.

Chegados a casa foi banho, jantar e...cama? Querias... Brincaram, gritaram, pularam até quase à meia noite. O Rafa foi o primeiro a ceder. Os dois mais crescidos ficaram a ver um filme até às tantas, eu fui juntar-me ao Rafa.

Domingo acordaram tarde, claro. Aliás acordámos todos tarde. O primeiro foi o Rafa e depois acho que foi por ordem.

Antes do almoço ainda foram a um pequeno parque que há em frente da minha casa.

Depois havia cinema prometido e eles não perdoam. "Idade do gelo 3" à espera. Toca a ir comprar os bilhetes, mas ainda faltavam mais de 2 horas para o inicio do filme. "Ó Tita e o que é nós vamos fazer em 2 horas?" Claro, ficar ali "sogadinhos" à espera do filme é que nem lhes tinha passado pela cabecita.

No dia enterior tinham visto um campo de mini-golf mas que já estava encerrado. Nem é tarde nem é cedo, é para lá mesmo que querem ir. Ok, vamos lá. Fazer o quê?

O que é certo é que andaram lá entretidos até chegar a hora, eu comprei uma revistita, e nem demos pelo tempo passar. As minhas pernocas agradeceram.

Chegámos ao cinema 15 minutos antes do filme. Foi só tempo das pipocas e coca-cola "obrigatórias" e já o filme estava no inicio.

 

Aquilo foi de "partir o coco" a rir. Já os vi todos e não sei qual o melhor. Francamente são uma delicia aqueles filmes.

Depois de jantar fui pô-los ao Montijo, ufffaaaa, onde os esperam mais uns dias de pura brincadeira.

Eu confesso, acordei ontem de manhã nem sei como. Tão cansaaaaada...Foram 2 dias non-stop e eu não sou propriamente da idade deles, não é? Mas também se diz que "quem corre por gosto não cansa". Ai não que não cansa.

 

 

sinto-me:

publicado por Fá às 09:33

link do post | Vá...comentem | ver comentários (10) | favorito
|

Segunda-feira, 13 de Julho de 2009

Em poucas palavras...

 

...eis um breve resumo do fim de semana

 

Nota negativa: sem os meus meninos

 

De resto foi muito bom. Saímos na sexta-feira à noite e a viagem foi breve. Pouco mais de 2 horas e estávamos lá.

Entretanto tinha pensado fazer um enorme churrasco para toda a familia. Se bem o pensei melhor o fiz. Comprei as carnes e chamei lá o pessoal todo, e não é pouco. Entre irmã(o)s, cunhada(o)s e sobrinhos somos quase vinte só adultos. Ainda convidei um casal amigo, o Mário e a Rosalina, de quem já aqui falei, e foi uma tarde/noite muito bem passada.

A minha irmã levou melão, a outra levou ananás, a minha cunhada levou a broa de milho, a minha sobrinha levou uma deliciosa tarte de amendoa.

Comeu-se bem, bebeu-se bem e começaram a ir embora perto da meia-noite. Depois de um dia de intenso trabalho, deitei-me cansada mas feliz. Feliz porque proporcionei ao meu irmão convivio com toda a familia, que de outra forma não teria tido. Feliz também porque proporcionei aos meus pais reunir à volta deles todos os filhos. Sei o quanto isso representa para eles. Para tudo ter sido perfeito só lá faltaram os meus tesouros. Mas já decidi que breve vou repetir.

O Domingo já foi mais calmo. Depois do almoço foi arranjar as tralhas e abalar.

Da nossa horta já trouxe courgetes, cebolas, alho francês, espinafres, feijão verde e batatas. 

Quem vem para minha casa passar uns dias é o meu afilhado mais novo, o Rui Pedro. Quarta à noite vou buscar o Ruben e vai ser uma festa lá por casa. Pelo menos de solidão não vai poder o meu irmão queixar-se .

 

 

sinto-me:

publicado por Fá às 09:59

link do post | Vá...comentem | ver comentários (4) | favorito
|

Segunda-feira, 30 de Março de 2009

Tal como se esperava...

... o fim de semana cumpriu com o prometido.

 

Os meus tesouros, especialmente o Ruben,  há muito que me pedia para irmos fazer um pic-nic e decidimos que seria ontem.

A excitação era muita. Depois de tudo preparado e rumámos em direcção a Mafra. O destino era a Tapada onde pretendiamos ver ao vivo todos os aminais da reserva. Depois de comprados os bilhetes fomos almoçar. Encontramos um parque de merendas e abancámos. Foi muito engraçado. Eles pouco comeram, mas enfim, valeu pela novidade.

 

30 minutos antes da hora, já nós lá estavamos na "paragem" à espera do combóio. E que giro que foi. "Tantos bambis" gritava o Rafa. Já o Ruben mostrava-se interessado pelos animais, claro, mas também com muita atenção às explicações do guia.

 

O pior de tudo foi mesmo o tempo que naquela zona estava um pouco pior. Muito vento, e frio. brrrr

 

Tirámos imensas fotos, esta aqui em baixo, ao lado da cerca do "lobo Ibérico"

 

 

 

Mas o dia ainda não tinha acabado e perto dali ainda havia outra coisa para lhes mostrar. A "Aldeia miniatura" do Sobreiro. E para lá nos dirigimos.

Eles gostaram imenso. Das casinhas dos ofícios, da casa do moleiro especialmente. Do castelo, do poço com a nora, enfim...tanta coisa engraçada. E claro, os parques.

 

E aqui também tirámos muitas fotos. Aqui uma tirada em frente à "Casinha do Sapateiro".

 

Ali comprámos pão com chouriço acabadinho de sair do forno (que delicia) e filhós a sairem do tacho. Tudo muito light.

 

No final da visita, quando decidimos que já era altura de voltar diz-me o Ruben:

 

- Bó Fá, isto é que foi um dia espectacular.

 

E foi mesmo. Eles gostaram e eu adorei ter-lho proporcionado.

 

 

 

sinto-me:

publicado por Fá às 10:08

link do post | Vá...comentem | ver comentários (6) | favorito
|

Segunda-feira, 12 de Janeiro de 2009

Fim de semana...

...de frio

 

Começou no Sábado à tarde quando fui buscar os meus tesouros.

O frio já se fazia sentir e viemos directos para casa.

Enquanto o jantar fazia tomaram banhinho. Primeiro refilaram por causa do frio e tal, mas a casa de banho estava quentinha, e foi um instante. Os pijaminhas também foram directos do aquecedor para o corpinho deles. Quentinhos...

 

Entretanto chegou a hora de jantar, e qual nao é o meu espanto...o meu Rafita já pegou na colher com a mao direita, a mao do dói-dói como ele diz. E o orgulho com que o fazia e me mostrava "ves Bó Fá, eu xá conxigo". Tao bom. Que alívio. Tem lá asim um altito mas além de nao lhe fazer diferença na mobilidade, penso que também irá desaparecer.

 

Depois brincou-se, viu-se televisao e foi hora de dormir, mas só quando eles quiseram. Perguntava-me o Ruben "Bó Fá, nós podemos ficar até mais tarde porque amanha também podemos dormir até mais tarde, nao é?"

 

No Domingo tivemos lá a almoçar uns amigos daqueles do coraçao, daqueles mesmo mesmo Amigos. Cuja relaçao já vem dos pais deles e já vai nos meus tesouros, sempre com o mesmo carinho. Sinto-me muito honrada com o amor e o carinho que me dedicam, e a toda a minha familia. Eles sabem que gostamos deles de igual forma.

 

E a tarde foi passada a passear. Embora frio estava um sol radioso e ficar em casa era um desperdicio. Assim fomos até ao Moinho, tanta gente que teve a mesma ideia, aquilo estava "à pinha". Ficámos por lá um pouco. No regresso ainda parámos à beira-mar, onde os meus tesouros brincaram um pouco e entretanto chegou a altura do por do sol. Belissimo, indescritivel.

O regresso, como sempre foi pela marginal. Nunca me canso de admirar o espectáculo que é o fim do dia visto perto do mar.

 

Chegou a hora do "regresso à base", o mesmo é dizer que os meus tesouros tinham que ir para casa deles. Pediram-me para ficar lá com eles e claro que nao podia recusar.

Já saí de lá tarde, mas antes de me vir embora já os deixei nas caminhas deles prontinhos para dormir.

 

E assim se passou mais um fim de semana, este mais calmo, que o tempo também nao estava para grandes farras.

 

Desejo a todos uma óptima semana, as melhoras para os doentinhos.

Beijinhos

sinto-me:

publicado por Fá às 15:31

link do post | Vá...comentem | ver comentários (2) | favorito
|

Segunda-feira, 17 de Novembro de 2008

Fim de semana...

 

... que até nem foi mau.

 

Incluiu uma visita ao meu local de eleição, sobre o qual já aqui falei.  Houve também, como não podia deixar de ser, uma ida ao parque.

 

Depois foi hora de cumprir uma promessa feita ao Ruben há já algum tempo: comprar-lhe um passarinho. A escolha (de ambos) recaiu num belissimo pintassilgo.

Logo que chegámos a casa fui por a gaiola na varanda (que é fechada, senão...). O Ruben estava lá a admirar o passarinho quando de repente: "Bó Fá anda cá depressa. O passarinho fugiu". Não é possivel. Mas era. O bichinho tinha saído da gaiola (não sei como) e foi o cabo dos trabalhos conseguir apanhá-lo. Ainda deu luta, mas conseguimos pô-lo de volta na sua bela casinha.

 

Vamos esperar que a adaptação à nova casa seja rápida e que o seu alegre canto seja uma constante (diga-se de passagem que ainda não o ouvi cantar).

Entretanto houve alguma "discussão" acerca do nome para o passarinho. O Ruben gostava de Faísca, mas eu achava que ele tinha mais cara de Chico. Depois de alguma negociação ficou "Chipo" porque, segundo o Ruben, Chico é nome de pessoa. Podia ser pior. lol.

O Rafa, na sua alergia aos animais quer é um peixinho. . Vou ter que tratar disso na próxima oportunidade.

 

Ontem insistiram para que fosse eu a vestir-lhes os pijaminhas e pô-los na caminha.

O Ruben pediu que lhe lesse uma história e escolheu a "Dora".

Já entende que todos temos responsabilidades e que a dele é ir para a escolinha e a minha é ir trabalhar. Foi muito dificil, e demorou algum tempo ele aceitar e ficar sem chorar, mas agora porta-se como um homenzinho.É um orgulho.

 

Já o Rafa não aceitou muito bem o facto de eu ter que me vir embora. "Bó Fá tu domes na minha tama", então e tu? pergunto-lhe "eu domo no chão". Depois de alguma conversa, promessas de i ir buscar à escola, lá ficou. Vencido mas não convencido.

 

E eu de lá vim tranquila, de alma cheia e coração feliz.

Foi mais um fim-de-semana de alegria, cumplicidade, de entrega mútua. A minha e a deles.

E por serem assim, ficamos sempre, eu e eles, ansiosos pelo próximo.

 

 

 

 

sinto-me:

publicado por Fá às 09:42

link do post | Vá...comentem | favorito
|

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Janeiro 2014

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

12
13
14
16
17
18

19
20
21
22
23
24
25

26
27
28
29
30
31


.tags

. todas as tags

.As nossas visitas

free counter
free counter

.Fazer olhinhos

blogs SAPO

.subscrever feeds