O Cantinho da Bó Fá é um espaço dedicado aos meus tesouros. São a minha vida. Vivo "deles" e para eles. Aqui pretendo transmitir as alegrias de ser avó. Y otras cositas más...

.historias recentes

. 6 meses de uma saudade im...

. Parabéns meu Pai!!!!

. Carta para o meu Pai

. Não está fácil... não mes...

. Até quando esta dor?

. Não são boas as noticias

. ...

. Para variar...

. Do fim de semana...

. Da escola...

.O que para aqui vai...

. Janeiro 2014

. Setembro 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

Lilypie Kids Birthday tickers
Lilypie Kids Birthday tickers
Terça-feira, 14 de Setembro de 2010

Ainda dos sonhos

Para mim um assunto recorrente e interessante. Gosto de me conhecer e os sonhos são uma forma de saber aquilo que nem a nós próprios confessamos.

 

Sonhei que precisava atravessar um rio. Nem era bem um rio, era mais uma espécie de pantano ou lamaçal. Viam-se perfeitamente dois caminhos, um ao lado do outro.

De um lado pedras afiadas, arame farpado e tudo o que se possa imaginar, que só isso mesmo...imaginar, dói.

O outro era feito de lama, dejectos, mas que não magoava.

Agora adivinhem qual foi o que eu escolhi? Pois claro. Até sentia o arame a entrar nos meus pézinhos, que horror.

De vez em quando sentia um braço que me segurava pelo cotovelo e que tornava a minha travessia mais suave, menos dolorosa.

 

De manhã, quando acordei, parecia que me doiam os pés e lembrava-me tão bem de todos os detalhes.

Não pude deixar de sorrir e pensar que a vida é mesmo feita de escolhas. E nós, às vezes, escolhemos o caminho mais dificil. Mas que está mais de acordo com a nossa consciencia.

Vão-nos valendo os braços (e abraços) que nos ajudam na travessia. São a nossa familia, os nossos amigos, que estão sempre lá para dar "uma forcinha" quando mais precisamos.

 

 


publicado por Fá às 11:33

link do post | Vá...comentem | favorito
|

10 comentários:
De cuidandodemim a 14 de Setembro de 2010 às 12:12
Eu também costumo sonhar bastante e lembro-me depois vivamente dos sonhos. Penso que será de ter uma vida agitada ou quando estamos mais preocupados ou inquietos que sonhamos mais... Este seu sonho foi bastante revelador :)
Bjns


De a 14 de Setembro de 2010 às 16:03
Foi isso mesmo que pensei. Uma analogia perfeita.
Muitas vezes podíamos escolher o caminho mais fácil, mas será que agiríamos de acordo com a nossa consciencia?
Beijinhos


De energia-a-mais a 14 de Setembro de 2010 às 13:35
Estou absolutamente de acordo, os sonhos são bastante reveladores! eu tenho sempre a «mania» de analisar o que sonho, sobretudo quando me parecem significativos. Acho que este teu sonho mostra que as tuas escolhas, embora difíceis, te fazem seguir o caminho necessário, ainda bem que tens braços amigos para te apoiarem!
beijos doces, querida Fá!


De a 14 de Setembro de 2010 às 16:08
Eu tento sempre lembrar-me dos meus sonhos. Há alguns que, de tão assustadores, ainda hoje me lembro loll.
Será verdade que nem sempre tenham significado. Será apenas uma forma de nos libertarmos de alguma ansiedade ou de algum estado de nervos. Mas noutros casos, se estivermos atentos, podemos aprender algo com eles. Afinal o universo é composto de tantas energias e nós só aproveitamos 38% das nossas capacidades cognitivas.
Beijinhos querida


De olha_por_mim a 14 de Setembro de 2010 às 18:14
Eu sonho bastante...e praticamente todos os dias me lembro do q sonhei...por vezes até passo o dia inteiro a pensar no q sonhei...parece tão real...:)))
Beijocas enormes


De a 15 de Setembro de 2010 às 18:38
Eu nem sempre me lembro, mas quando lembro tento sempre uma explicação, lollll. E olha que...
Beijinhos


De mimi a 15 de Setembro de 2010 às 09:51
Sim...o braço que te ampara mostra-te que a escolha, ainda dura, é certa!
Um abraço daqueles....


De a 15 de Setembro de 2010 às 18:41
Oh amiga, eu acredito que sim. Mas quando temos o conforto de um (a)braço, tudo fica tão mais fácil.
Beijokas
P.S. Não me esqueci que é dia 23. Certo?


De M.Luísa Adães a 16 de Setembro de 2010 às 14:59


Regressei e te encontrei com o teu sonho.
Sabes que acredito nalguns sonhos e dias mais tarde, eu encontro a explicação visivel do que sonhei.
Isto é verdade, não é metáfora, nem ficção!

Mas eu entendo a razão clara deste acontecer.
E por vezes, não gosto de sonhar estes sonhos.

Eu reconheço, quando trazem uma mensagem!

Gostei de te encontrar! Esvreve , se o desejares, para os prémios ou para o google.

Beijos,

M. Luísa


De a 17 de Setembro de 2010 às 10:21
Mª Luísa,
Obrigada pelo carinho.
Gosto de saber mais e mais sobre o comportamento do ser humano e acho que o sonho é uma forma de nos auto-conhecermos também.
Sonhos vagos que são apenas libertação, outros com mais significado. Outros ainda, tão reais que acordas com todas as sensações ainda latentes.
Interpretações, mais ou menos certas há-as desde sempre.
Beijinhos



Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Janeiro 2014

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

12
13
14
16
17
18

19
20
21
22
23
24
25

26
27
28
29
30
31


.tags

. todas as tags

.As nossas visitas

free counter
free counter

.Fazer olhinhos

blogs SAPO

.subscrever feeds