O Cantinho da Bó Fá é um espaço dedicado aos meus tesouros. São a minha vida. Vivo "deles" e para eles. Aqui pretendo transmitir as alegrias de ser avó. Y otras cositas más...

.historias recentes

. 6 meses de uma saudade im...

. Parabéns meu Pai!!!!

. Carta para o meu Pai

. Não está fácil... não mes...

. Até quando esta dor?

. Não são boas as noticias

. ...

. Para variar...

. Do fim de semana...

. Da escola...

.O que para aqui vai...

. Janeiro 2014

. Setembro 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

Lilypie Kids Birthday tickers
Lilypie Kids Birthday tickers
Segunda-feira, 26 de Abril de 2010

As saudades que eu já tinha...

 

... de mexer na terra.

 

Plantei couves, alfaces, cebolas. Semeei cenouras.

Fiz pequenos viveiros de alfaces, cebolas, alho francês, que se destinam, mais tarde, a serem plantados na horta.

 

E o Rafa então?!! Assim que lhe calcei as botas e lhe vesti umas roupitas mais velhas, "adequadas para o serviço" nem cabia nele de tão contente. "Bó Fá, gosto tanto de vestir estas roupas e ir mexer na terra, gosto gosto Bó Fá".

Já o Ruben... não é bem a sua área. Andou por lá algum tempo, mas depressa se "cansou" e veio ver bonecos, enquanto o Rafa, com o seu sacho nunca me largou. Verdade seja dita que foi sempre a desajudar, mas acredito que com o tempo tenho ali um belo ajudante.

No final ficámos os dois orgulhosos do nosso serviço. E ele, prestável veio pedir-me o telemóvel para tirar uma fotografia para a posteridade.  

 

Devo acrescentar que o Ruben arranjou um novo "animal de estimação". Lamento a sorte do bicho, que ficou fechado num pacote de yogurte.

 

E com tanta azáfama, lá onde não há manifestações, passou o 25 de Abril. Tal como há 36 anos atrás passou calmo, sem alaridos.

 

  


publicado por Fá às 10:31

link do post | Vá...comentem | favorito
|

6 comentários:
De olha_por_mim a 26 de Abril de 2010 às 15:10
Se o Rodrigo aí estivesse tinhas tido mais uma (des)ajuda...lol...aqui para mexer na terra tb é um espectáculo...hehehe...eu tb era assim de pequena...sabes o que mais gostava???...qd a minha avó ia colher os tomates...eu adorava ajudar...sem a minha avó saber lá ia comendo alguns como quem come maçãs...hehehe...ricos tempos...agora já ñ ajudo em nada...lol...acho que o meu filhote ñ vai ter a sorte como eu tive de ver semear as coisas e saber que o que nós semeamos é melhor do que o que compramos...lol
Beijocas grandes e boa semana


De a 26 de Abril de 2010 às 15:49
E seria uma (des)ajuda muito bem vinda.
Eu adoro tudo o que diz respeito a terra. E quero incutir neles também esse gosto.
Gosto que eles mexam na terra e que a sintam como eu. Gosto que conheçam os bichos e as flores que a habitam. Essencialmente que a respeitem.
Adoro semear, ver nascer e crescer. E depois é como dizes, são produtos muito mais saudáveis.
Beijinhos e boa semana


De cuidandodemim a 27 de Abril de 2010 às 13:07
É óptimo para o são crescimento de uma criança ter esse contacto com a natureza na sua infância. Eu tive e nunca me esqueci!
Bjns


De a 27 de Abril de 2010 às 15:12
Concordo. Mesmo a nível físico, penso que o organismo se fortalece com esse contacto.
E eles adoram.
Beijinhos


De mimi a 29 de Abril de 2010 às 16:48
Os miudos das idades dos "nossos " adoram terra e coisas simples...estão bem um passo à frente...bem à frente!!!
Quanto mais envelheço mais aprecio aquilo com que não cresci, tipo voltar a umas origens que não são minhas , mas não me importava que fossem....terra, plantas, hortaliças, regar, verde, relva, pés descalços...oh pá....que bom!


De a 29 de Abril de 2010 às 18:18
É muito bom mesmo. É lá que "recarrego as minhas beterias". Semear, ver nascer e crescer é das coisas que mais prazer me dão. E todas essas outras coisas que falas são de facto um elixir da saúde, pelo menos da mental.
Gostava muito de incutir neles este gosto pela natureza.
Beijokinhas


Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Janeiro 2014

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

12
13
14
16
17
18

19
20
21
22
23
24
25

26
27
28
29
30
31


.tags

. todas as tags

.As nossas visitas

free counter
free counter

.Fazer olhinhos

blogs SAPO

.subscrever feeds